quarta-feira, 16 de dezembro de 2015

MORADORES QUEREM ATENÇÃO E RESPEITO

MATO CRESCE RAPIDAMENTE NO ANTIGO FILTRO BIOLÓGICO E PREOCUPA MORADORES. A PARTE LIMPA NO CENTRO DA FOTO É UM TRILHO ABERTO POR POPULARES QUE, POR ALI, "CORTAM CAMINHO" ENTRE A RUA SALUSTIANO FERRAZ DE CASTRO E A RUA NILO ROCHA


Moradores da Rua Salustiano Ferraz de Castro e imediações, no bairro Três Marias, querem atenção e providências por parte da administração pública com relação a dois problemas que os afligem:

1º - ao lado do CAIC existem várias moradias e as pessoas que ali vivem estão sofrendo com a falta de capina do mato já alto dentro da área da escola, com aparecimento de ratos e animais peçonhentos.
 
FOTO TIRADA POR MORADORA (CLIQUE NA IMAGEM PARA AMPLIÁ-LA)
 Isso e mais um vazamento na rede de esgoto, que escorre pelo barranco para o interior do educandário e escoa por uma canaleta de água pluvial, exalando mau cheiro e constituindo alto risco de contaminação.
 
ESGOTO CORRENDO PELA CANALETA DE ÁGUAS PLUVIAIS, DENTRO DO CAIC (FOTO TIRADA POR MORADORA) CLIQUE NA IMAGEM PARA AMPLIÁ-LA.
2º - a área onde se localiza o filtro biológico nº1, hoje desativado, está precisando com urgência de uma limpeza completa, com capina e retirada de lixo e outros materiais. O excesso de mato e sujeira, principalmente na divisa do terreno  com as residências próximas, vem trazendo grande apreensão por parte dos moradores por causa do aparecimento de animais peçonhentos. Numa dessas moradias, há poucos dias, uma cobra jararaca foi morta dentro da sala de visitas e também tem aparecido muitas lacraias e demais insetos nocivos. O mais estranho é que recentemente um mutirão foi realizado pela prefeitura no bairro, a fim de eliminar focos do mosquito da dengue e prevenir aparecimento de escorpiões.
PELA CERCA DESTRUÍDA ALGUMAS PESSOAS PASSAM E LANÇAM LIXO NO TERRENO PÚBLICO.CLIQUE NA FOTO PARA AMPLIÁ-LA.
MATO VAI TOMANDO CONTA DO TERRENO ONDE ESTÁ O FILTRO E POPULARES ACABARAM ABRINDO UM TRILHO. CLIQUE NA FOTO PARA AMPLIÁ-LA.


Diante desse quadro muitos moradores se sentem indignados com o pouco caso com que a administração vem tratando o assunto. Uma senhora chegou mesmo a fazer o seguinte desabafo: “na época das eleições eles aparecem em nossas casas, sorridentes, pedindo nosso voto, mas, depois de eleitos, não querem mais saber da gente”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário