quinta-feira, 30 de abril de 2015

AUDIÊNCIA PÚBLICA DEBATE FUNDAÇÃO DE SÃO JOÃO NEPOMUCENO

PLENÁRIO DA CÂMARA (FOTO: MARCO ALMEIDA)
Na noite da última terça-feira (28) com início às 19 horas, a pedido do vereador Dr.Carlos Alberto dos Santos, foi realizada uma Audiência Pública na Câmara Municipal de São João Nepomuceno. O objetivo era promover um debate sobre a polêmica Lei que institui o dia 1° de abril como a data de fundação do Município de São João Nepomuceno.

 Participaram como debatedores o Dr.Paulo Roberto de Gouvêa Medina, membro do Instituto Histórico e Geográfico de Juiz de Fora, Professor Emérito da UFJF e Conselheiro Federal da OAB; Luís Antônio Fajardo Pontes, Professor da UFJF e pesquisador da história de São João Nepomuceno e também o Historiador e Professor de História Cláudio Heleno Machado.

Abrindo os trabalhos o vereador Dr. Carlos Alberto dos Santos explicou aos presentes as razões que o levaram a solicitar a realização da Audiência Pública, passando a palavra ao Dr.Paulo Roberto de Gouvêa Medina. O que se seguiu foi uma impressionante aula sobre a riquíssima história do nosso município, recheada de detalhes interessantes e informações esclarecedoras, não só para os vereadores como para todos os demais presentes.
DR. PAULO ROBERTO DE GOUVÊA MEDINA (FOTO: MARCO ALMEIDA)

No decorrer de sua fala, Dr. Paulo Roberto demonstrou notável conhecimento sobre o assunto, colocando com objetividade e clareza o seu posicionamento em relação ao tema em discussão e declarando-se contrário à Lei em vigor.

A fala do Professor Luís Antônio Fajardo Pontes traduziu, entre outros sentimentos, sua indignação pela série de imperfeições e falhas na condução do processo que levou à aprovação da Lei nº 2681, de 11 de maio de 2010, instituindo a data de 1º de abril de 1841 como a da fundação do município. Ele esclareceu que essa data se refere à primeira emancipação político-administrativa e não à fundação do município, que, segundo suas pesquisas, teria ocorrido no ano de 1815, talvez um pouco antes.

Já o Professor Cláudio Machado, que não conhecia pessoalmente o Dr.Paulo Roberto Medina e nem o Professor Luís Antônio, aproveitou a oportunidade para esclarecer aos dois, e também aos vereadores e público presente, que nunca, em momento algum teria dito, ou escrito, em seus trabalhos que a data de 1º abril de 1841 se referia à fundação. Tinha ele conhecimento de que o surgimento do núcleo populacional em torno da Capela construída para abrigar a imagem de São João Nepomuceno vinha dos primórdios da formação do povoado, que depois veio a se transformar em Vila e mais tarde na Cidade de São João Nepomuceno.
PROFESSOR CLÁUDIO HELENO MACHADO (FOTO: MARCO ALMEIDA)

Dr. Paulo Roberto de Gouvêa Medina, durante sua fala, deixou registrada uma sugestão de Projeto de Lei, a ser votado oportunamente pela Câmara:
“ A Câmara Municipal de São João Nepomuceno aprova e eu sanciono a seguinte Lei:
Art.1º - Fica instituído o dia do município, que corresponderá à data de 16 de maio e será considerado feriado municipal, em honra de seu padroeiro, São João Nepomuceno.
Art.2º - Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação, ficando revogada a Lei nº 2681, de 11 de maio de 2010.”
Em nosso entendimento essa foi uma das mais proveitosas Audiências Públicas já realizadas pelo Legislativo Municipal de São João Nepomuceno até a presente data. Parabenizamos a Mesa Diretora, composta pelos vereadores Francisco Augusto Baptista de Oliveira Carillo (Presidente), Heraldo Barbosa Gruppi (Vice-Presidente) e Ruy Rodrigues Barbosa (Secretário), assim como o vereador Dr.Carlos Alberto dos Santos, por ter solicitado a sua realização.
Já quase no encerramento, os vereadores Irio Henriques Furtado Filho, Sebastião Carlos Barbosa, Francisco Baptista de Oliveira Carillo e Antônio Alves Coelho se manifestaram claramente favoráveis à revogação da chamada “Lei do 1º de abril” declarando-se pela manutenção do dia l6 de Maio como a principal data do município. Alguns representantes da população, previamente inscritos, fizeram também uso da palavra para defender a manutenção da data como a do aniversário da cidade, conforme a bicentenária tradição do nosso povo.
Segundo informações que obtivemos, na próxima reunião ordinária da Câmara deverá ser votado um novo Projeto de Lei, provavelmente revogando a chamada "Lei do 1º de abril".



domingo, 5 de abril de 2015

FOTOGRAFIA E AMOR À ARTE

                                                 Por Nilson Magno Baptista



FOTO: MARCUS MARTINS (CLIQUE SOBRE A IMAGEM PARA AMPLIÁ-LA




Tive a imensa satisfação de ver as fotos de Marcus Martins realizadas na sexta-feira (03) durante a tradicional encenação da Paixão de Cristo, apresentada já há muitos anos pela impecável Cia. de Teatro Novos Horizontes, dirigida pelo fabuloso ser humano que é Ney Morais, figura respeitadíssima em nosso meio cultural.

FOTOS DE MARCUS MARTINS (CLIQUE SOBRE AS IMAGENS PARA AMPLIÁ-LAS)

Marcus Martins é são-joanense, filho de nossos amigos Beto Reis e Jane, empresários do ramo de vestuário na cidade. Jornalista, já conhecido e respeitado em Juiz de Fora, é também fotógrafo de grande talento e sensibilidade e coloca em seu trabalho com a câmera todo o amor que carrega na alma e no coração. Suas fotografias são, antes de mais nada,  obras de arte que nos enchem de emoção e arrebatamento.

 Outra figura que merece nosso carinho, a também são-joanense e fotógrafa Maria Gabriela Gomes Alves,  dirige o Grupo Fotografia E Arte, composto por amantes da arte fotográfica, como Davi Fernandes, Kell Gomes, irmã de Gabi, entre outros , e recentemente foi convidada para uma parceria com a Cia.de Teatro Novos Horizonte, atuando em locução e cobertura fotográfica do grande evento religioso, coberto inclusive pela TV Integração, afiliada da Rede Globo de Televisão em Juiz de Juiz de Fora. As fotos que produzem são simplesmente incríveis, como já tive oportunidade de observar.


FOTOS: MARIA GABRIELA GOMES ALVES E EQUIPE FOTOGRAFIA E ARTE (CLIQUE SOBRE AS IMAGENS PARA AMPLIÁ-LAS)
MARCUS MARTINS (FOTO DA INTERNET))



MARIA GABRIELA GOMES ALVES (FOTO DA INTERNET)
Por isso e muito mais, aqui rendemos a essas duas pessoas brilhantes, cada uma ao seu modo, as nossas mais sinceras homenagens, mostrando algumas imagens captadas por suas câmeras e transformadas em belíssimas obras de arte, certamente por inspiração divina. Infelizmente, para tristeza de alguns que jamais pensaram a fotografia como ARTE, mas apenas como meio de sobrevivência ou proveito material, totalmente desprovido de SENSIBILIDADE.

sábado, 4 de abril de 2015

ENCENAÇÃO DA PAIXÃO DE CRISTO EMOCIONA FIÉIS

                                                        Por Gabriel Reis


FOTO: GABRIEL REIS


A encenação da Paixão de Cristo, pela Cia. de Teatro Novos Horizontes, uniu arte e religiosidade e emocionou centenas  de fiéis que estavam reunidos ao lado do Igreja Matriz. Cenas relatando a vida de Cristo; desde o seu batismo no rio Jordão, até sua morte na Cruz, conforme narrado nos Evangelhos.

FOTO:GABRIEL REIS


Após a encenação os fiéis seguiram em procissão até a Igreja Nossa Senhora do Rosário, motivados pelo pároco Padre Anderson, a orarem pela cidade e pelas situações sociais preocupantes nos nossos dias, como as drogas.

FOTO:GABRIEL REIS

Um dia de penitência e oração, assim foi a sexta feira santa em nossa cidade. Com o objetivo de levar os fiéis a meditar a paixão e a morte de Jesus, para no Domingo, segundo a crença cristã, celebrar a nova Páscoa, com a ressurreição de Cristo.

(Gabriel Reis cursa Jornalismo na Universidade Federal de Juiz de Fora e estreia hoje como colaborador do blogue. Para nós é uma honra tê-lo em nossa equipe)